0%
Caution: JavaScript execution is disabled in your browser or for this website. You may not be able to answer all questions in this survey. Please, verify your browser parameters.

ELABORAÇÃO DAS METAS NACIONAIS PARA 2021

Propostas de Metas Nacionais 2021

 
As Metas Nacionais do Poder Judiciário representam o compromisso dos tribunais com o aprimoramento do seu desempenho, visando entregar à sociedade uma prestação jurisdicional mais célere, efetiva e com qualidade. Referidas metas foram criadas pela Resolução CNJ Nº 70/2009 e resultaram de acordo firmado pelos presidentes dos tribunais para o aperfeiçoamento da Justiça.

 

Ao longo dos anos, diversos desafios foram temas das Metas Nacionais, tais como: aumento da produtividade judicial, adoção de soluções alternativas de conflitos, busca pela razoável duração dos litígios judiciais, etc. Destaca-se a "celeridade processual" como tema de recorrente desafio a ser alcançado pelo Poder Judiciário.

 

A Estratégia Nacional 2015-2020, instituída pela Resolução CNJ Nº 198/2014, trouxe a previsão de Macrodesafios para o Poder Judiciário. Com esse novo ciclo de planejamento, tornou-se o processo de formulação de metas mais participativo, ante a possibilidade de envolvimento de diversos colaboradores na sua elaboração.
Nesse sentido, em 2019, o Tribunal Superior do Trabalho - TST aplicou sua terceira pesquisa por meio da qual contou com a contribuição de diversos colaboradores desta Corte, bem como de cidadãos e membros de Poder na elaboração das Metas Nacionais para o ano de 2020.

 

A partir dos resultados dessa iniciativa, o TST priorizou algumas ações, com foco no aumento da sua produtividade e da facilitação das rotinas diretamente relacionadas à atividade fim, por meio da criação e aperfeiçoamento das seguintes ferramentas:

  • Sistema Bem-Te-Vi;
  • Sistema de Apoio à Autuação Processual com vínculo com o Sistema de Autuação e Distribuição de Processo - SADIP;
  • Novo Sistema de Pesquisa de Jurisprudência do TST;
  • Sistema e - Recurso de Admissibilidade de Recursos de Revista - e-Rec;
  • Plenário Eletrônico - PE;
  • Assistente de minutas;
  • Secretaria Eletrônica - SE;
  • Marcadores Automáticos de Processos;
  • Aperfeiçoamento do Processo judicial Eletrônico (PJe - JT no TST).

 

Em razão do emprego de diversos esforços e não obstante o aumento expressivo do número de processos recebidos na ordem de 26,2%, a média de julgados por magistrado, ou seja, a média da produtividade judicante por ministro, não apenas aumentou na ordem de 5,4% em relação a 2018, como superou a meta planejada para 2020. Pela primeira vez, também se viu a queda do número médio de processos conclusos com mais de dois anos de distribuição nos gabinetes, o que demonstrou a superação da meta estratégica prevista para 2020. 

 

Confirmando os resultados pertinentes ao enfrentamento do acervo, em relação aos processos julgados, verificou-se que o TST, mais uma vez, galgou novo recorde, haja vista que, em 2019, julgou 331.040 processos, maior valor histórico até o momento.

 

Visto isso, com o objetivo de continuar melhorando os serviços, solicita-se a sua valiosa participação na elaboração das Metas Nacionais por meio da pesquisa intitulada "Propostas de Metas Nacionais 2021".

 

A pesquisa ficará disponível até o dia 30 de junho de 2020.

 

O TST conta com a colaboração de todos!